“Santuário” em Apodi têm cemitérios de carcaças e bichos alimentados com restos de outros animais

Uncategorized | nov 13 | 2018 | No Comment

No início da tarde da segunda-feira, 12, após relatos de maus- tratos de animais domésticos e silvestres e, a partir de denúncia realizada pelo mandato do vereador Sandro Pimentel (Psol), a Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (DEPREMA) fez ação de fiscalização no abrigo de animais conhecido como “Santuário”, localizado na zona rural de Apodi. A ação foi acompanhada também por fiscais do Ibama, pelo próprio Sandro Pimentel e pela veterinária parceira do mandato, Dra. Camila Fernandes.

Animais silvestres também foram apreendidos

A situação encontrada pelos agentes de Polícia Civil foi de descaso e ausência das condições sanitárias mínimas para funcionamento do espaço. Haviam cerca de 700 jumentos, 150 gatos e 500 cachorros no local. Todos em situação de maus-tratos. Foi verificado, pela médica veterinária que acompanhava a ação, a presença de diversas doenças entre os bichos, além desidratação e desnutrição severas. Parte dos animais eram alimentados com uma espécie de mistura de arroz e restos de outros animais. Situação que chocou quem acompanhava a ação.

Vários cemitérios com carcaças de animais foram encontrados

Ainda foram encontrados, pelos agentes da polícia ambiental, três cemitérios com diversas carcaças caninas, felinas, além de restos de animais de grande porte apodrecendo a céu aberto. De imediato, foram resgatados dois papagaios, um tucano e um macaco prego.

O vereador Sandro Pimentel acompanhou ação da DEPREMA e Ibama

A DEPREMA conduziu o responsável pelo “santuário” para fazer Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Os animais já capturados ficarão sob os cuidados do Ibama, que também notificou o proprietário. A polícia vai investigar ainda a origem dos animais acolhidos no “santuário”. A suspeita é que eles sejam encaminhados por prefeituras de várias regiões do Rio Grande do Norte.

O mandato do vereador Sandro Pimentel, além da denúncia e do acompanhamento da investigação, vai apresentar representação no Ministério Público Estadual para que se suspenda, imediatamente, o envio de animais para o “santuário” de Apodi.

A Polícia Rodoviária Federal e a Secretária Municipal de Serviços Urbanos de Natal também devem ser alvo da representação, já que alguns animais de médio e grande porte, apreendidos nas vias da capital potiguar, são encaminhados para o local insalubre.

Vídeo produzido pela  Polícia Civil: https://www.youtube.com/watch?v=GbbgguXSdQk&feature=youtu.be

Tags , , , , ,