1° festa da vigilância privada reúne trabalhadores em tarde de música, diversão e prêmios

vigilantes | jun 19 | 2017 | No Comment

Na tarde deste domingo, 18, os trabalhadores vigilantes se reuniram no Clube dos Oficiais da Polícia Militar para celebrar o dia da categoria. A primeira festa da vigilância privada foi promovida pelo mandato do vereador Sandro Pimentel (PSOL), com apoio da Academia Feroli de Formação de Vigilantes.  Sandro é vigilante da UFRN há 26 anos e o seu mandato vem abrindo debates e aprovando leis em defesa da vigilância privada.

Confira as imagens da  festa em nosso álbum no Facebook 

O evento contou com o show de Swellen Pimentel, e a realização de um bingo que sorteou para os presentes cursos de aperfeiçoamento na área e itens de uso dos vigilantes em seu serviço diário, caso de coletes e algemas, por exemplo.

Foi uma tarde de muita interação, música e diversão para os trabalhadores.”Os vigilantes estão começando a ter reconhecimento pelas autoridades, Sandro é um representante da categoria e é um vereador que atua para melhorar a situação para os trabalhadores.É muito gratificante participar dessa festa”, afirmou Manoel Gomes da Silva, vigilante que aprovou o evento.

Sindicatos que representam trabalhadores da área também marcaram presença, é o caso do SINDFORTE, sindicato que atua na defesa dos trabalhadores de transporte de valores no Rio Grande do Norte. Rômulo Pessoa de Santana avaliou como positiva a inciativa da festa e o encontro proporcionado na tarde do último domingo. “Muito boa a festa e só temos agradecer a Sandro por essa oportunidade de encontro dos trabalhadores vigilantes, e o mandato pode contar com o SINDFORTE para qualquer coisa que precisarem”, afirmou.

Para Sandro o evento veio para ficar e é um marco importante diante dos desafios da profissão e da necessidade do serviço de vigilantes para a sociedade “A festa foi um sucesso total, muitos setores representados de várias empresas participaram. Foi um momento de descontração importante. A nossa categoria precisa disso.Somos trabalhadores que sofrem com índice altíssimo de estresse e com muitos riscos no cotidiano. É importante que a  gente tenha, uma vez por ano, a celebração do dia do vigilante. Para que a  gente possa retomar as nossas atividades com muito mais gás e energia”, afirmou o vereador do PSOL.